Cuidados para trabalhar sentado





Existem certos princípios básicos, que devem ser considerados na concepção de qualquer posto de trabalho sentado, especialmente para aqueles que trabalham com monitores.

Utiliza-se como critério os ângulos de conforto no limite dos quais as diversas partes do corpo podem desenvolver melhores condições com menor esforço e constrangimento possível.

Em vários estudos realizados revelou-se relações estreitas entre adopção de posturas com diferentes amplitudes de ângulos ao nível do pescoço, antebraço-mão, e a incidência de desconforto físico músculo-esquelético.

A flexão da cabeça não deve ultrapassar os 30º. Caso isto aconteça provoca demasiada tensão e dor muscular ao nível do pescoço que pode irradiar para o ombro. Estes sintomas aumentam proporcionalmente com o aumento da flexão.

No que respeita a articulação do cotovelo o ângulo entre o braço e o antebraço deve ser superior a 70º, o punho deve estar na posição neutra de forma a não provocar pressão nos tendões da mão. Deve ser evitada a sustentação freqüente ou prolongada dos braço, de modo a não provocar na coluna uma grande carga estática de sustentação e para não dar origem a dores musculares ao nível dos ombros.

A mão não deve ter desvios laterais (cubital ou radial) pois estes podem causar a médio prazo dor e inflamação dos músculos do antebraço e estruturas associadas.


Você não pode perder:

Conheça o Drive Virtual de Ginástica Laboral
Aulas Ginástica Laboral - Guia Prático
Cuidados para trabalhar sentado Cuidados para trabalhar sentado Editado por Dani Souto on 05:50 Nota: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.