Curta e Siga


Ginástica Laboral e a Cervicalgia






A cervicalgia é muito presente devido a má postura adquirida durante o trabalho, ao dormir, ao dirigir, fatores emocionais e atividades do dia a dia como o uso incorreto do celular.

Podemos verificar através do uso do celular, que muitas pessoas ao utilizar o aparelho adquirem uma postura inadequada levando a cabeça para frente e inclinando para baixo em direção ao aparelho.

O que muitos não sabem é que a cabeça de um adulto pesa em torno de 5 a 8 Kg e ao curvar a cabeça para frente por longos períodos podem ocorrer danos irreversíveis na coluna cervical como atrofias, desgastes e rupturas gerando uma má qualidade de vida.

De acordo com um estudo realizado pelo americano Dr. Kenneth Hansaraj, conforme o grau de inclinação de 0º-60º, o peso da cabeça pode variar, gerando uma pressão sobre a coluna que pode chegar aos 27,2 kg, ocasionando a dor no pescoço, chamada cervicalgia.

A Cervicalgia


O termo cervicalgia é empregado para as dores que acometem a região cervical da coluna, caracterizada por rigidez muscular e dores na região posterior do pescoço. Pode ocorrer desde pequenos desconfortos ou até dores intensas e incapacitantes.

Os pacientes podem apresentar dor apenas na face posterior do pescoço, como também irradiar para ombros, acometendo os músculos trapézio, supraespinhoso, romboide e escaleno. Em alguns casos pode ser referida na face inferior da mandíbula levando a dor de dente e cefaleia.

Os músculos do pescoço são responsáveis pelo suporte de peso e mobilidade da cabeça, porém quando tensionado devido algum tipo de sobrecarga, ocorre a diminuição do fluxo sanguíneo local, ocasionando dor e incômodo.

Estes sintomas acometem 30% dos homens e 43 % das mulheres e se torna mais prevalente com o avanço da idade, ocorrendo em 40-50% da população com idade superior a 45 anos.

Este diagnóstico pode gerar um grande problema de saúde pública, pois em muitos casos a dependência de medicamentos, depressão, isolamento social, dificuldades no trabalho e alterações emocionais, provocam uma mudança dramática no estilo de vida deste paciente, ocasionando uma má qualidade de vida.

Introduzindo a Ginástica Laboral

Para quem trabalha com computador ou numa mesma posição durante muito tempo, entende muito bem o que é a Cervicalgia. E sabe que um alongamento anes de iniciar a sua jornada de trabalho ou mesmo no meio dela, diminui a tensão e quiça a dor. 

Com a finalidade principal de melhorar a saúde do colaborador e evitar lesões por movimentos repetitivos, a ginástica laboral é uma atividade realizada no ambiente de trabalho e tem sido cada vez mais praticada.

Ela costuma acontecer de duas a três vezes por semana, com exercícios que têm duração média de 7 a 15 minutos, e pode trazer diversos benefícios para o funcionário e até mesmo para a empresa.

É uma atividade física orientada e, previamente, planejada conforme o público e o tipo de ambiente. A ginástica laboral utiliza exercícios respiratórios, de força, flexibilidade isométricos, isotônicos, alongamentos, além de dinâmicas de integração, recreação e até massagem.

A Ginástica Laboral é um bom tratamento para melhora da Cervicalgia ou outros problemas na coluna. Porém não é único. Quer aprender a tratar Coluna Vertebral sem dúvidas?

Conheça a  mais completa certificação em coluna que você pode fazer!  São mais de 300 vídeo aulas, livros complementares e dezenas de conteúdos extras. Clique na imagem abaixo e veja o conteúdo!

Certificação Completa Excelência em Coluna 


Dicas para Profissionais:
  • Exercícios Terapêuticos pra quem trabalha sentado(a)
  • Curso online de Ginástica Laboral
  • Laboral School - Escola Avançada de Ginástica Laboral

  • Nos Siga nas Redes Sociais: Twitter, Facebook, Instagram, Youtube.
    Adicione no grupo do Whatsapp


    Deixe seu comentário e nos marque(@Sua Saúde) pra gente ver:

    Nenhum comentário